quarta-feira, 28 de setembro de 2022

Sessões Plenárias:
Terças e quintas-feiras: 09h

Horário de atendimento
Segunda a sexta-feira: 07:30 às 13:30

Telefone: (55) 3220-7200
E-mail: assessoriapresidencia@camara-sm.rs.gov.br

Comissão de Saúde e Meio Ambiente intermedeia debate sobre o pagamento de piso salarial


  • 16/09/2022
  • 57 visualizações
  • Geral
  • Criado por: Guilherme Superti em 16/09/2022
Compartilhe:

A Comissão de Saúde e Meio Ambiente realizou reunião extraordinária na manhã desta sexta-feira (16), no Plenarinho. Na pauta, a reivindicação dos agentes comunitários de saúde e agentes de controle de endemias para o pagamento do piso salarial da categoria por parte do Poder Executivo. Para tentar solucionar esse impasse, a comissão intermediou reunião entre o sindicato da categoria e a Secretaria de Município de Saúde (SMS).

Conforme o advogado do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde do Rio Grande do Sul, Carlos Augusto Fagundes, a Prefeitura de Santa Maria não parte do piso salarial para pagar a remuneração da categoria, mas complementa com vantagens até chegar ao piso, que hoje é de R$ 2.424,00. “Essa é a nossa briga com os municípios. Porque o piso não vem sendo implementado de forma correta”, argumenta o advogado da categoria.

Por outro lado, o secretário de município de Saúde, Guilherme Ribas, disse que o governo federal não está repassando o salário para todos os 120 agentes que atuam em Santa Maria, o que impacta nos recursos livres do Poder Executivo. O chefe da pasta também argumentou que a SMS é uma secretaria fim e que não trata diretamente dessas questões. “Essas coisas como avanços de classe e vencimentos, eu não tenho conhecimento”, relatou o secretário.

O vereador Werner Rempel disse que a comissão está comprometida em tentar resolver essa situação, mas que a resolutividade desse impasse não depende somente do município. Defendeu também que Santa Maria deveria ter agentes comunitários de saúde e agentes de controle de endemias espalhados pelo município. “Os agentes comunitários de saúde e agentes de controle de endemias são decisivos para uma melhor gestão de saúde”, manifestou o edil.

Participaram da reunião os vereadores Manoel Badke/Professor Maneco (presidente), Marina Callegaro (vice-presidente) e Werner Rempel.

 

Texto: Mateus Azevedo

Fotos: Isadora Pilar



Links Úteis

Dúvidas, reclamação ou sugestão?

Entre em contato!